domingo, 2 de janeiro de 2011

LUZ

A Bíblia em um ano:
Gênesis 4-6
Mateus 2
“Disse Deus: ‘Haja luz’, e houve luz.”
Gênesis 1.3

Imagine só a bagunça que ficará na cozinha de alguém que tenta fazer um bolo no escuro. E o perigo que corre ao manusear objetos cortantes ou que utilizam eletricidade ou fogo. Esse é o perigo que alguém que não tem a luz de Cristo também corre.

Por isso, o primeiro evento da Criação foi a luz. Depois dela, Deus criou os demais seres e colocou ordem em tudo. Não que Deus precisasse de luz para trabalhar. [Até porque Ele próprio foi quem criou a luz. É ela quem precisa dEle para existir.]. Mas quis com isso, deixar ao mundo o exemplo de uma verdade que precisa ser seguida por todos nós: Sem luz, as trevas nos impedem de fazer as coisas que precisam ser feitas.

Jesus disse: “Eu sou a luz do mundo...” (João 8.12). E não disse isso à toa.

Quem não tem luz, vive em trevas. Toda a sua vida é muito difícil e sem sentido. A luz permite ao homem trabalhar, produzir, crescer e fazer crescer, corrigir, ampliar, caminhar. As trevas, porém, param tudo isso ou fazem tudo desandar.

Além disso, a luz se faz necessária para expor o que está oculto. Ela revela, esclarece. Quando Jesus entra em nossas vidas, é exatamente isso o que Ele também faz. Ele não só aponta o caminho mas também revela os perigos escondidos na estrada para que possamos nos desviar deles, bem como nos mostra o pecado e os males escondidos em nós, para que possamos nos livrar deles.

Por isso, não fique no escuro, tentando acertar o caminho e caindo dentro de terríveis buracos. Não tente fazer o seu bolo no escuro, pois terríveis tragédias podem acontecer. Aproveite enquanto há tempo, pois este mundo vai passar. Só a luz de Cristo nunca deixará de brilhar.

A todos Ele a dá de graça, mas quem tem que ligar o interruptor é você.