terça-feira, 15 de março de 2011

Pense em Deus!

A Bíblia em um ano:
Deuteronômio 26-27
Marcos 14.1-53


“Ora, Àquele que é poderoso para fazer tudo muito mais abundantemente além daquilo que pedimos ou pensamos, segundo o poder que em nós opera, a Esse glória na Igreja, por Jesus Cristo, em todas as gerações, para todo o sempre. Amém.”
Efésios 3.20-21


Pense em uma pessoa fisicamente grande e ousada... Lembre-se que o Deus Todo-Poderoso é ainda mais excedente em tamanho, força e bravura.

Pense em alguém moralmente correto... Lembre-se que o Deus Todo-Poderoso é ainda mais santo.

Pense em palavras virtuosas e de sabedoria... Lembre-se que o Deus Todo-Poderoso é ainda mais sábio.

Pense em situações de grande alegria e paz... Lembre-se que o Deus Todo-Poderoso pode proporcionar momentos ainda melhores.

Pense no tamanho dos teus problemas... Lembre-se que o Deus Todo-Poderoso é ainda maior que todos eles juntos!

Há um pensamento popular (muito relevante) que nos instrui: “Não conte a Deus o tamanho dos teus problemas, mas conte para os teus problemas o tamanho do teu Deus.”

Cabe-nos fazer uma pequena correção: devemos levar ao Senhor todas as nossas causas, sejam elas de alegria ou de aflição (Filipenses 4.6; João 15.7; Lucas 11.9; Mateus 6.6; Hebreus 4.16; Jeremias 3.33; 2Crônicas 7.14; 1Tessalonicenses 5.17; Lucas 18.1-7) e torná-las conhecidas ao Senhor que é poderoso para recebê-las e deferir a melhor sentença sobre cada uma delas.

Feito isso, e já cientes que o Senhor já conhece todas as nossas necessidades, resta-nos inflar os peitos cheios de orgulho do nosso Deus, certos do tamanho e do poder que Ele tem, e voltar-nos com ousadia para os nossos problemas, a fim de apresentar-lhes o Deus a quem servimos.

Ousemos, neste dia, falar de Deus para os nossos problemas e deixá-Lo aparecer diante deles. Deus terá o controle de toda a situação quando Ele passar à nossa frente e for apresentado às nossas adversidades.

Depois de tudo, resta-nos apenas descansar e glorificar ao Senhor enquanto Ele mesmo peleja por nós, que cremos que Ele realmente é Todo-Poderoso, sábio e competente para fazer muito... mas muito mais além daquilo que pedimos ou pensamos!

Nossos gigantescos problemas tornam-se pequenos grãos de areia quando são entregues nas mãos de Deus.