quinta-feira, 3 de março de 2011

Reavendo Princípios

A Bíblia em um ano:
Números 28-30
Marcos 8.22-38


“Se vocês Me amam, obedecerão aos Meus mandamentos. (...) Contra você, porém, tenho isto: você abandonou o seu primeiro amor. Lembre-se de onde caiu! Arrependa-se e pratique as obras que praticava no princípio...”
João 14.15 e Apocalipse 2.4-5


Ontem, fazendo algumas arrumações por aqui, pensei em tirar da pilha de cds alguns que eu pouco usava e acabei encontrando um que eu muito gostava mas há bastante tempo não ouvia (há, pelo menos uns quatro anos...).

Os hinos do cd “Gratidão”, da dupla Rogério & Rosemary fizeram parte de longos anos da minha vida, e desde quando eu ainda morava com minha mãe (há mais de 9 anos), por vezes me levaram à presença do Senhor Jesus em momentos de oração e adoração. Mas por algum motivo eu os empilhei num canto da minha estante junto com outros cds que aparentemente já não eram tão importantes para mim.

Quando li aquele título entre tantos esquecidos, pensei comigo que nem mesmo me lembraria mais dos hinos que nele estavam, quanto mais saberia cantá-los. Mas me surpreendi com o contrário. Quando o primeiro hino começou a tocar, meu coração se alegrou e minha mente se reportou a tempos antigos que me fizeram muito bem. Logo minha boca começou a acompanhar as letras e consegui cantar praticamente todas as canções – com algumas falhas, claro. Depois, ao repetir o cd, então cantei todas sem erros. Na verdade, eu não as tinha esquecido. Apenas as tinha sufocado em algum lugar da minha memória, mas elas sempre estiveram lá.

Às vezes nós deixamos tantas coisas importantes da vida de lado, principalmente no tocante aos princípios que temos aprendido da Bíblia para que nossas vidas sejam cheias da presença do Espírito Santo de Deus. Pensamos que perdemos tudo no meio do caminho e achamos tão difícil voltar a praticar as mesmas obras do começo.

Mas os princípios do Senhor, que uma vez foram semeados em nossos corações, ainda permanecem dentro deles. Talvez sufocados pelas preocupações da vida, talvez escondidos atrás das tristezas e frustrações, talvez caídos debaixo de vaidades e ocupações exageradas que, por vezes, tomam o lugar da nossa dedicação ao Senhor. Mas eles estão lá, em algum lugar da nossa memória e do nosso coração.

Com a ajuda do Espírito Santo podemos retomar esses princípios e voltar a praticar as primeiras obras. Podemos reavê-los e voltar a viver o primeiro amor com Jesus, de forma a caminhar em santidade e retidão rumo ao Céu, sem dúvidas, sem medos, perdoados e redimidos.

Tudo o que precisamos fazer é buscar do Senhor essa ajuda, para que possamos identificar títulos importantes de virtudes e ensinamentos que ficaram empoeirados num canto qualquer das nossas almas cansadas. Ele nos mostrará como alcançá-los e como retornar à prática do primeiro amor por Jesus.

O Senhor sabe que podemos retomar  e quer que recomecemos a entoar com Ele a canção de adoração e amor sincero. Ele quer nos ajudar a voltar à vida de íntima comunhão com Ele a cada dia, praticando os preciosos ensinamentos que nossos corações já receberam dEle.

Ele sabe que podemos reencontrá-los em nossas almas e revivê-los. Foi Ele mesmo quem os guardou lá.


Oremos:
Pai, como é maravilhoso lembrar que Tua Palavra não morre! Ela persiste em meio a tantas coisas que priorizamos em nossas vidas e jamais se torna obsoleta, inútil, ineficiente. Obrigada por guardá-La bem dentro do meu coração e não desistir de querer torná-La viva todos os dias dentro de mim. Ajuda-me tão somente a retomar sempre o princípio de todas as coisas, recomeçando a cada instante e caminhando sempre em santidade e Paz Contigo. No nome bendito de Cristo eu oro e agradeço pelos valores e ensinamentos que jamais se perdem e sempre nos conduzem ao Céu de forma segura e santa. Amém.