segunda-feira, 4 de abril de 2011

A diferença é Cristo

A Bíblia em um ano:
Rute 1-4
Lucas 8.1-25

“E disse Jesus: As raposas têm covis, e as aves do céu têm ninhos, mas o Filho do homem não tem onde reclinar a cabeça.”
Mateus 8.20

Um dos maiores ensinamentos de Cristo ao mundo foi o desprendimento das coisas materiais. Ele nos mostrou na Sua própria prática de vida o elevo espiritual (e também material) que têm aqueles que buscam primeiramente o Reino de Deus e a Sua justiça hoje. Ele não tinha nada neste mundo mas tinha toda a glória na eternidade.

As nossas necessidades e importâncias materiais não podem nem devem interferir no nosso relacionamento com Deus e com a Sua justiça, nem para o hoje nem para o amanhã. E isso nos leva a refletir:

Que diferença fará daqui a 100 anos se hoje temos carros importados ou se andamos a pé?

Que diferença fará daqui a 100 anos se hoje comemos nos melhores e mais caros restaurantes ou se levamos marmita para almoçar no trabalho?

Que diferença fará daqui a 100 anos se hoje vestimos roupas de grifes caras ou de feira?

Que diferença fará daqui a 100 anos se hoje vamos aos melhores e mais caros hospitais ou em hospitais públicos?

Que diferença fará daqui a 100 anos se hoje fazemos viagens internacionais ou se simplesmente passeamos à praça da cidade aos domingos e feriados?

Que diferença fará daqui a 100 anos se hoje tivemos os melhores salários do país ou somos simplesmente assalariados?

Que diferença fará daqui a 100 anos se hoje somos proprietários de mansões e fazendas ou simplesmente pagamos aluguel para morar?

Que diferença fará daqui a 100 anos se hoje temos um nome famoso e que está em evidência ou simplesmente vivemos no anonimato, como mais um dos 170 milhões de pessoas desse país?

Que diferença fará daqui a 100 anos se hoje freqüentamos os melhores clubes e pontos de encontro da alta sociedade ou simplesmente nossa condição nos permite ir ao máximo à casa do vizinho?

Que diferença fará?...

Para nossa vida pessoal, realmente não fará nenhuma diferença. Mas se hoje vivemos com Cristo e buscamos primeiramente o Reino de Deus para nossas vidas, então, realmente, daqui a 100 anos fará uma grande diferença, porque nesse tempo, provavelmente todos que leram esta reflexão hoje, já tenham morrido. E, de acordo com suas prioridades do hoje, daqui a 100 anos estarão ou no Céu ou no inferno...

E isso, realmente, fará toda a diferença!