sexta-feira, 9 de setembro de 2011

Divino Mestre

A Bíblia em um ano:
Provérbios 4-7
2Coríntios 2



“E Jesus, vendo a multidão, subiu a um monte, e, assentando-Se, aproximaram-se dEle os Seus discípulos; E, abrindo a Sua boca, os ensinava.”
Mateus 5.1-2


Nossa vida é um emaranhado de problemas e situações por resolver, cujas soluções raramente dependem somente de nossa vontade, mas primeiramente da de Deus.

Aprender com o Senhor como lidar com cada minuto do nosso dia é uma necessidade na vida de todos os homens. Porém, poucos fazem como os discípulos de Cristo e se achegam a Ele para aprender o que Ele tem para nos ensinar.

Tiramos dúvidas com os professores, buscamos orientações com os advogados, indagamos com os palestrantes, questionamos aos médicos, perguntamos aos atendentes, pesquisamos nos livros... Mas raramente consultamos Jesus!

Não sabemos nós que:

- a sabedoria do Divino Mestre é infinitamente superior ao conjunto completo do conhecimento humano;

- nosso Divino Mestre é eterno. Ele não morre e a sua sabedoria cai no esquecimento, mas Ele venceu a morte quando morreu como homem e sua sabedoria é de eternidade a eternidade;

- podemos consultar nosso Mestre a qualquer momento; Ele não Se afasta nem está ocupado para nos auxiliar (Aleluia!);

- nosso Divino Mestre é o único dono das verdades absolutas; Ele não é cópia nem falsificação, mas Ele mesmo é a Verdade (infalível, inquestionável e incontestável);

- nosso Pai tem prazer em Se assentar e, como filhos em Seu colo, permitir-nos aprender e apreender com Ele os conhecimentos sublimes que Ele tem para nos transmitir.

Não desperdicemos nosso dia com coisas vãs, mas nos dediquemos hoje (e todos os demais “hojes” que vivermos daqui para a frente) em meditar na Palavra do Senhor e orar. Vamos nos aproximar do Mestre Amado agora, e aprender com Ele coisas edificantes e prazerosas. Certamente não nos arrependeremos, pois grandes maravilhas o Senhor tem e quer nos ensinar.

O homem que ensina mais é o que se dedica a aprender sempre com o Senhor.