quinta-feira, 24 de novembro de 2011

A música certa

A Bíblia em um ano:
Ezequiel 20-22
Tiago 5


By Elaine Cândida, com imagens do Google.


“Façam tudo sem queixas nem discussões.”
Filipenses 2.14


Outras traduções bíblicas escrevem Filipenses 2.14 com as seguintes palavras: “Façam tudo sem murmurações nem contendas”.

Seja como for, queixas, murmurações, são desavenças contra Deus. Discussões, contendas são desavenças contra o próximo. E, em ambos os casos, a consequência é única: desgaste, irritação e mais problemas.

Se temos um problema e tudo o que sabemos fazer é reclamar dele, o que vamos ganhar com isso? Ele continuará lá para ser resolvido, nós nos irritamos, nos desgastaremos concentrando nossas forças e habilidades em murmurações, provocamos a ira das pessoas ao nosso redor e/ou a ira do próprio Deus e, no final de tudo, o problema continuará esperando uma solução. Só que, dessa vez, com outros agravantes: inimizades, culpas e mais cansaço estão sobre nós, além daquele primeiro problema... “Uma mente e um coração calmo e despreocupado são a vida e a saúde do corpo…” (Provérbios 14:30). Mas, sejamos honestos: quantos murmuradores calmos e despreocupados nós conhecemos?

Situações adversas são oportunidades para revelarmos o caráter de Cristo em nós. Quando escolhemos murmurar em meio a elas, estamos duvidando de Deus e da Sua capacidade.

Murmurar, realmente, não vale à pena! Pois, contra Deus, o Criador, nós não temos argumentos: “Quem é você, ó homem, para questionar a Deus? Acaso aquilo que é formado pode dizer ao que o formou: ‘Por que me fizeste assim?’ O oleiro não tem direito de fazer do mesmo barro um vaso para fins nobres e outro para uso desonroso?” (Romanos 9.20-21)

Contra o nosso próximo, nós perdemos a razão: “O que é irritadiço faz tolices, e o homem cheio de astúcias é odiado. [...] O homem paciente dá prova de grande entendimento, mas o precipitado revela insensatez.” (Provérbios 14.17, 29)

A direção bíblica para nós hoje é que não apenas examinemos nossas atitudes, mas as mudemos a cada nova oportunidade: “E não se queixem, como alguns deles se queixaram – e foram mortos... Essas coisas… foram escritas como advertência para nós…” (1 Coríntios 10:10-11).

Em vez de murmurar, cante a música certa: Cante hinos de louvores a Deus. Pois murmuração é música para os ouvidos do diabo. E a única pessoa que se alegra com nossas murmurações é só ele mesmo.