domingo, 22 de janeiro de 2012

Nada como ser de Deus!

A Bíblia em um ano:
Êxodo 21-24


By Elaine Cândida, com imagens do Google.


“Eu Te amo, ó Senhor, minha força. O Senhor é a minha rocha, a minha fortaleza e o meu libertador; o meu Deus é o meu rochedo, em quem me refugio. Ele é o meu escudo e o poder que me salva, a minha torre forte. Clamo ao Senhor, que é digno de louvor, e estou salvo dos meus inimigos.”
Salmos 18.1-3


Nada como receber o uma palavra de ânimo após tantas injúrias sofridas...

Nada como ser ouvido e compreendido ao se conversar abertamente com alguém que apenas ouve, sem julgar e sem condenar...

Nada como ter as feridas limpas e tratadas com remédio eficaz, após sentir o pus latejar insanamente dentro delas, quando estas foram pressionadas pelos esbarrões dados intencionalmente por pessoas perversas...

Nada como manter a Paz e continuar guardando a esperança, mesmo em dias violentos e em noites desfiguradas por grandes temporais...

Nada como ser recebido com carinho e ser acalentado após tantas decepções e desprezo sofrido...

Nada como pertencer a Deus, estar com Ele em oração e fazer uso da Sua maravilhosa Palavra!


Oh, Senhor, Deus de amor, como é bom pertencer ao Senhor e poder contar com a Tua maravilhosa presença e Teus incomparáveis favores! Só o Senhor tem o bálsamo, o remédio para curar as feridas da minha alma. Só o Senhor tem a paciência e o amor que me confortam, o perdão que me abençoa e a Palavra que me refaz e levanta em momentos em que meu coração está tão despedaçado. Por isso, só em Ti coloco a minha esperança, a minha fé e a minha atenção. Não faz sentido procurar nada em outro deus pois, por experiência própria, descobri que só o Senhor é capaz de me fazer feliz e me salvar, quando tudo diz precisamente o contrário. Receba, neste dia, meu Salvador, toda a minha gratidão e adoração, do mais profundo da minha alma. Ao único Deus sábio, Salvador nosso, seja glória e majestade, domínio e poder, agora, e para todo o sempre. Amém.