terça-feira, 27 de março de 2012

Pelo que não temos

A Bíblia em um ano:
2Samuel 12-16


“...Jesus lhes disse: ‘Não são os que têm saúde que precisam de médico, mas sim os doentes. Eu não vim chamar justos, mas pecadores.”
Marcos 2.17

Diferente do mundo que se aproxima de nós pelo que temos a lhe oferecer ou pelo que podemos fazer para ele, Jesus Se interessa por nós por causa do que não temos, do que não podemos e do que não somos.

Em nossa natureza carnal – e todos nós, sem exceção, nascemos com uma (Romanos 3.23-26) – não temos um bom caráter, não temos pureza, não somos bondosos, não temos amor incondicional, não sabemos perdoar, não somos verdadeiros, não sabemos exercer verdadeira justiça, não temos salvação, não temos interesse pelas coisas santas, não um interesse pelo Céu maior do que aquele que temos por este mundo, não temos amizade com Deus nem consciência de quem Ele realmente é...

Jesus, porém, olha para isso tudo e conclui: “É essa pessoa que Eu quero!” [O amor do Senhor não faz acepção de pessoas, mas Sua presença só é efetiva na vida de quem entende que precisa dela. 2Crônicas 15.2.]

É que Ele (Jesus) não está interessado em Se aproveitar do que temos de bom, mas em consertar o que cultivamos de ruim. Ele Se importa com a nossa salvação, não (apenas) com nossa prosperidade. Seu alvo é nos resgatar do pecado e nos dar uma nova vida de santidade, não luxo e conforto.

Por isso Ele não Se importa sobre a nossa condição quando chegamos a Ele (se pobres, se ricos; se doentes, se sãos...). Ele sabe do que precisamos realmente e Se importa em corrigir isso. Ele sabe que precisamos dEle. Sabe que precisamos da Sua graça. Sabe que não podemos ter salvação e paz eterna se Ele não for o Senhor absoluto do nosso caráter, das nossas posses, das nossas vidas no todo.

Jesus Se importa pelo que não temos, pelo que não podemos e pelo que não somos. De fato, nós não somos nada sem Ele. Portanto, não vamos mais relutar em seguir Jesus, em atender ao Seu chamado, em entregar-Lhe o domínio pleno das nossas vidas.

Quando Lhe entregamos nossas deficiências e vazios, Ele nos liberta do mal e de toda efemeridade, e dá tudo o que verdadeiramente precisamos – as coisas eternas e santas –, nos tornando mais ricos e importantes que qualquer pessoa sem Cristo conseguiria ser.






"Jesus, Tu és o nosso bem maior. És a verdadeira riqueza que podemos encontrar. Tu és tudo o que de fato precisamos ter. E como é bom que o Senhor Se interesse por nós, mesmo sabendo que não temos nada de bom a Te oferecer! Muito obrigada, Senhor, por Teu amor incondicional. Só o Senhor consegue nos olhar com tanto amor e desejar tanto bem por nós. Obrigada por Se doar! Obrigada por interferir em nossas vidas e nos apontar o caminho de volta para Casa. Em louvor à Tua glória, eu oro. Amém."