domingo, 25 de março de 2012

Singelo e sublime

A Bíblia em um ano:
2Samuel 6-11


Google.


“Sobre tudo o que se deve guardar, guarda o teu coração, porque dele procedem as fontes da vida.”
Provérbios 4.23

Existem coisas tão simples que nos surpreendem com imensa graça...

Nesta manhã, enquanto eu esperava o ônibus numa parada com outras 5 ou 6 pessoas, um Senhor de aparência humilde, com uma Bíblia e um caderno nas mãos, chegou ao ponto de ônibus e, olhando para todos, acenou com a mão, sacudiu gentilmente a cabeça e disse: “Bom dia a todos!”. E todos nós respondemos com um sorriso no rosto, pois é muito raro vermos esse tipo de coisa acontecer.

O mais interessante é que em seguida, chegou outro Senhor, também de cabelos brancos e aparência humilde, com um grande sorriso, cumprimentando a todos – um por um – e, em seguida, olhou para o céu e disse com um suspiro: “Que dia lindo, não é?”

Honestamente, quantas vezes você pôde ver um tipo de comportamento como esses dois? Em dias de extremo individualismo e permanente insatisfação, eu posso declarar em alto e bom tom que ganhei o dia com aqueles dois seres amáveis e cheios de gratidão ao Senhor. Gratidão que se expressava em graça.

Comumente (e eu também muitas vezes me vejo assim), vejo as pessoas num corre-corre, num desespero para resolverem as pendências das suas vidas, que não sobra tempo nem espaço para verem que a cordialidade com o próximo e a gratidão para com Deus são primordiais para a sobrevivência humana e para a saúde da alma.

Um sorriso, um aperto de mão, uma palavra de carinho, um abraço. Quanto isso custa para você? Para mim, se for para dá-los a alguém que precisa, não custa nada além de prazer. Mas se for para recebê-los, valem uma fortuna. Podem mudar meu dia, podem mudar um momento da minha vida. São gestos simples que fazem toda diferença e tornam o mundo mais suportável.

E o canto dos pássaros, o brilho de um sol ameno após uma noite de chuva, um frescor suave a balançar levemente as folhas das árvores, um cheiro de vida numa manhã calma de verão. Quanto custam? Para o Criador, que colocou todas essas coisas tão singelas e tão magníficas à nossa disposição e como lembretes do Seu cuidado e amor por nós, certamente não custam nada. Mas para nós, que dependemos delas como prova que a vida sempre prevalecerá, valem tudo. Alegram o dia. Trazem de volta a esperança, depois atentamos para elas e refletimos sobre o que, de fato, é ser feliz.

Não está nas grandes fortunas, nem está nas muitas amizades. Felicidade não está nos títulos ou no prestígio que temos diante dos homens, mas na nossa capacidade de vermos O Amor se manifestando esplendorosamente em tudo, e em participarmos das suas gloriosas lições, as quais nos levam também a viver e manifestar esse amor, aumentando a sua abrangência através da expressão da graça.

Ver (e viver) os gestos cordiais e cheios de graça daqueles dois senhores, foi algo extremamente agradável a mim e às demais pessoas que estavam ali. Creio que ser um instrumento do amor de Deus e semear essa graça por onde andarmos (como eles dois) seja ainda mais realizador, porque o manancial que empoça suas águas produz lama e ainda assim contribui para a secura da terra ao seu redor, mas o que deixa-as fluírem para onde é certo que corram, sempre está sendo renovado com águas límpidas e fecundas que brotam de dentro de si sem parar.

Aceitemos, pois, essa riquíssima oportunidade de expressarmos gratidão a Deus e refletirmos isso sendo cordial para com os demais, assim como Ele (o Senhor) tem sido conosco. Nós não sabemos onde estão, mas sabemos que há muitas pessoas por aí necessitadas de gestos tão simples mas cheios de graça, para se reencontrarem com O Amor e voltar a reviverem a beleza da vida.

Vejam que dia lindo! É uma oportunidade que o Eterno nos dá de apresentar Sua graça a alguém.

Que ela seja em seus corações. E muito bom dia a todos!


"Deus Santo, ajuda-me a ser como Tu és. Ajuda-me a semear bondade, cordialidade, amor e graça. Ajuda-me a viver como Jesus viveu e a fazer o que Ele faria hoje, ao ver corações sorrindo por fora e gritando por dentro. Como não posso sondar os corações, o Senhor pode me ajudar a ser cheia de graça a todo instante. Assim, o que precisa encontrará o Teu amor. E o que já O tem, se sentirá ainda mais animado a compartilhá-Lo também, como eu hoje me sinto, depois de uma experiência tão simples mas tão sublime como a desta manhã. Em nome de Cristo Jesus, o Amor perfeito, eu oro. Amém."