sexta-feira, 20 de abril de 2012

...E encontraremos descanso!


A Bíblia em um ano:
1Crônicas 17-21


[Disse Jesus:] “Venham a Mim, todos os que estão cansados e sobrecarregados, e Eu lhes darei descanso. Tomem sobre vocês o Meu jugo e aprendam de Mim, pois sou manso e humilde de coração, e vocês encontrarão descanso para as suas almas. Pois o Meu jugo é suave e o Meu fardo é leve.”
Mateus 11.28-31

Nós só encontramos aquilo que procuramos porque precisamos e não temos, ou aquilo que tínhamos e perdemos, ou ainda, aquilo que, por algum motivo, foi deixado por alguém em nosso caminho.

O descanso para as nossas almas é uma dessas coisas caras demais para alguém perder por aí e nós encontrarmos. E ainda assim há que o perca...

Há também quem nunca o teve e o busca desesperadamente. E há ainda quem nem esperava encontrar descanso e, de repente, encontra Jesus pelo caminho e, nEle, encontra Paz.

Muitas vezes, nós clamamos a Deus para nos ajudar a encontrar objetos pequenos que perdemos por aí, como uma chave, uma anotação importante, ou um anel, talvez. Mas por que será que não clamamos por Ele para nos ajudar a encontrar coisas tão grandes e caras como a Paz?

Será que é porque ter Paz de Deus exige a nossa entrega a Ele? Será que é porque para que descansemos em Paz devamos confiar plenamente num Deus que não vemos e, baseados apenas em promessas e naquilo que ouvimos sobre dEle, esperarmos, quietos, sem dar vazão às nossas próprias vontades e impulsos?

Essa última colocação afasta tanto Deus de nós, não é? Faz parecer que Ele vive tão distante, tão afastado, apenas ordenando e esperando que aceitemos tudo o que Ele impõe... Mas não é bem assim. O fôlego de vida que há em nós é parte do próprio Deus (Gênesis 2.7). Deus está mais próximo do que imaginamos!

O problema é que nós não atentamos para isso e, se o fazemos, raramente nos importamos e damos o devido valor à essa questão tão importante para a nossa felicidade e Paz.

Muita gente diz ser de Deus mas ainda não possui Paz em seu coração, porque não se entregou por inteiro ao Senhor. Em Jeremias 8.22, o profeta de Deus questiona: “Não há bálsamo em Gileade? Não há médico? Por que será, então, que não há sinal de cura para a ferida do Meu povo?”

Ocorre que Deus toca somente onde permitimos. Ele respeita o nosso livre arbítrio e tolera nossas escolhas. Enquanto existir reservas, o mal nos incomodará; enquanto não entregarmos todo o nosso ser ao Senhor, haverá lugares que Ele não alcançará e, certamente, haverá enfermidades em nossas almas.

Mas a boa nova que o Evangelho nos traz, é que quem nunca teve o descanso da alma pode obtê-lo agora, entregando todo o seu coração a Jesus. Quem já o teve e perdeu, pode agora encontrá-lo outra vez, depositando toda a sua vida nas mãos do Senhor. Ele já deixou Sua salvação e Sua Paz em nosso caminho, quando morreu para nos salvar e ressuscitou para nos dar esperança eterna e nos inocentar (Romanos 4.25).

E não é preciso ir tão longe para recebermos tal graça. Basta pedirmos isso ao Senhor, dobrando nossos joelhos em oração e derramando diante dEle todo o nosso coração em sinceridade.

E, então, nada mais nos impedirá de encontrarmos descanso para as nossas almas.