sábado, 21 de abril de 2012

E, quando quebrar o Silêncio...


A Bíblia em um ano:
1Crônicas 22-25

“Ó DEUS, não estejas em silêncio; não te cales, nem te aquietes, ó Deus.”
Salmos 83.1

O silêncio do Senhor, faz nosso coração parecer ficar tão vazio... Parece que nada é capaz de nos preencher, de atender aos nossos anseios, de nos motivar.

Às vezes, mesmo sendo cristãos, parece que estamos tão distantes do Senhor... Parece que estamos caminhando sozinhos, em círculos, e a incerteza de dar um passo fora dele gera uma insegurança tão grande que toma o nosso ser...

Mas em tempos que Deus Se cala, não devemos culpá-Lo de ter nos abandonado. Porque mesmo sentindo-nos distantes, podemos observar o cuidado do Senhor sobre nós, Seus filhos, nos mínimos detalhes de cada evento dos nossos dias. E isso é sinal que Ele está perto!

Creio que o melhor a fazer é continuar adorando ao Senhor. É prosseguir dentro dos preceitos de tudo o que Ele já nos ensinou. É continuar buscando direção, força e crescimento no jejum, na Palavra e na oração.

Porque creio, pelos exemplos que a Bíblia nos dá, que o Senhor não é mudo. Ele não Se calará para sempre. Ele nos experimenta enquanto Se cala e prova quão fiéis somos a Ele. E quando abrir Sua boca, será para dar a última palavra acerca da Sua glória em nossas vidas.

Por outro lado, creio, também pelos exemplos que a Bíblia nos dá, que o Senhor está gritando com muitos, e estes, como surdos, não ouvem o Seu falar. O vazio aqui não é por causa do silêncio de Deus, mas por causa da nossa desatenção à Sua voz.

Que o Senhor abra nossos ouvidos espirituais e nos ensine a ouvi-Lo, caso estejamos nessa segunda situação.

E que Ele multiplique nossa fé e esperança em tudo o que Ele é, para que, ao término do Seu silêncio, mediante o Seu pronunciar, possamos experimentar tudo o que Ele é capaz de fazer.


Oremos:

Senhor, só eu sei o quanto preciso do Teu falar, da Tua presença, da Tua direção e conselho. Só minha alma, que já experimentou uma vida sem o Senhor, sabe o quanto Tua voz é importante para mim... Neste momento de silêncio Teu, abra os meus olhos para Te ver, mesmo que calado, Te encontrar. Isso acalmará meu coração, até o momento de quebrares o Teu silêncio e Te pronunciares, em glórias em maravilhas, na vida deste servo que, mesmo tendo pouca força, guardou e foi fiel à Tua Palavra. No nome de Jesus, faze o mesmo por esta pessoa que está fazendo essa mesma oração.  Amém.